14.05.2019 | Pastoral

Encontrão de Jovens

No dia 27 de abril de 2019, tivemos o primeiro “Encontrão de Jovens” do ano, com o tema: Os sonhos, anseios, medos e temores do ser Humano e os planos de Deus.
Tivemos como assessores o coordenador de pastoral da ACF, Alex Sandro Bastos e o professor Henrique Genereze da Silva, que trabalharam com os nossos alunos os medos e os sonhos que cada um tem para o futuro, o que buscam e o que querem para si e para os outros, que mundo querem construir. Foi um dia extremamente rico de partilhas, gestos concretos de amizade e fraternidade e muita reflexão.
Além disso, tivemos momentos de descontração com músicas, brincadeiras e refeições fartas e saborosas.
No final, era visível a alegria e a sensação de “valeu a pena ter participado”! O encontro nem tinha terminado ainda e já se percebia a expectativa para o próximo, que acontecerá em setembro.
Segue abaixo o depoimento de alguns educandos que participaram:

“O encontro é conhecido por fornecer experiências novas e pessoas novas. Dessa vez, não foi diferente, fiz amizades com algumas pessoas que nem sequer tinha visto no colégio. Além disso, em relação às experiências, elas ajudam você a socializar e a confiar no seu companheiro.
Não só tivemos essas experiências, mas também contamos com a fala de professores e palestrantes com histórias de vida e reflexões em relação ao seu modo de pensar e cultivar seus valores.”
João Pedro Carvalho de Oliveira, 2º EM.

“O encontro nos passou ensinamentos de como ser uma juventude saudável e pensante, além de nos permitir a reflexão sobre atos do cotidiano e nos possibilitar novas amizades. É quase impossível descrevê-lo com palavras, só quem já vivenciou sabe a amplitude que ele pode nos oferecer.
Eu só tenho a agradecer. Muito obrigada a todos os envolvidos, vocês são luz.”
Ana Vitória, 3º EM.

“Eu estou cursando o último ano do Ensino Médio e aproveitando da melhor forma possível este ano, porque ano que vem entrarei em uma nova rotina. Mês passado participei do encontro de jovens da escola, comecei a frequentá-lo no oitavo ano e, daí por diante, não parei mais. Todos esses anos foram de experiência e aprendizado, e sempre há uma surpresa no encontro que faz você refletir sobre questões que antes não dava importância. É triste pensar que não farei parte disso tudo daqui a um tempo, mas vou levar na minha memória cada momento vivido. É meio complicado explicar tudo que senti nesses encontros, de tão bom que foram, por isso, só tenho que dizer uma coisa: obrigada pessoas, vocês fizeram esses momentos especiais demais!”
Maria Reis, 3º EM.